Sonhos marados #32 - desaparecido na China

quarta-feira, março 22, 2017

Eu e o meu namorado decidimos ir ver um concerto dos Rammstein à China (sim, só mesmo em sonhos eu tenho dinheiro para estas viagens).

O festival ficava num local um pouco duvidoso, rodeado de lojas e restaurantes decrépitos e com muito pouca gente nas proximidades. No dia do concerto, almoçámos num desses restaurantes, e no fim da refeição ele foi à casa de banho e eu esperei lá fora.

E esperei, esperei, esperei, não estranhando já ter passado mais de meia hora, porque com os intestinos dele às vezes não é de estranhar. Entreti-me a fazer Krav Maga com um velhote nas proximidades e quando dei por mim tinham passado horas. Voltei ao restaurante, perguntei onde ficava a casa de banho e, depois de apontarem para um corredor longo e sujo, decidi-me a ir buscá-lo.

Esse corredor estava cheio de bicharada, desde gatos, cães, a macacos, e tentei abstrair-me do facto que podiam ter sido o meu almoço. Cheguei a uma porta ao fundo do corredor com a indicação de WC, abri-a, e era um fosso gigante com tanta água que até fazia ondas, e com crocodilos a nadar alegremente, e nele estava o meu namorado, aflito porque nada mal, e uma outra estrangeira também aflita.

E eu disse-lhe algo como: uma pessoa à tua espera e tu a nadar com gajas! E pronto, fui ver o concerto sozinha. Já não há respeito.


Também deves gostar disto

0 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal